Conectar-se

Esqueci minha senha

Últimos assuntos
»  S.T.A.L.K.E.R. Horror of Chernobyl
Dom Maio 17, 2015 9:19 pm por kaguya

» O pequeno sam
Dom Maio 17, 2015 9:13 pm por kaguya

» The Rake: O sacrifício
Sex Maio 15, 2015 10:46 pm por kaguya

» The Rugrats
Sex Maio 15, 2015 10:38 pm por kaguya

» O quão alto você vai gritar ?
Sex Maio 15, 2015 10:35 pm por kaguya

» A culpa foi toda sua
Sex Maio 15, 2015 7:53 pm por Hyuuga

» Annabelle, a boneca do diabo
Qua Maio 13, 2015 9:22 pm por kaguya

» Eu sempre te observei - Podcast
Qua Maio 13, 2015 8:12 pm por Hyuuga

» The Beatles - A morte de Paul
Qua Maio 13, 2015 6:08 pm por kaguya

Parceiros
Acesse já!

Acesse já!


Casa sem Fim: Parte VII

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Casa sem Fim: Parte VII

Mensagem por Hyuuga em Seg Maio 11, 2015 12:26 am

"Por favor.... por favor, não faça isso. Por favor, não me machuque."

"O que?" Eu disse. "Quem é você? Eu não vou te machucar."

"Sim, você vai" Ele soluçava agora. "Você vai me machucar e eu não quero que você faça isso." Ele colocou suas pernas para cima na cadeira e começou a se balançar para frente e para trás. Foi realmente bem patético de olhar, principalmente por ele ser eu, idêntico em todos os sentidos.

"Escute, quem é você?" Eu estava agora apenas a alguns metros do meu doppelganger. Foi a mais estranha experiência que eu tive, estar lá falando comigo mesmo. Eu não estava assustado, mas ficaria logo. "Por que você-?"

"Você vai me machucar, você vai me machucar, se você quer sair você vai me machucar"

"Por que você está falando isso? Apenas se acalme, certo? Vamos tentar entender isso e-" E então eu vi. O David sentado lá estava usando as mesmas roupas que eu, exceto por uma pequena mancha vermelha bordada em sua camisa com um número 9"

"Você vai me machucar, você vai me machucar, não, por favor, você vai me machucar..."

Meus olhos não deixaram o pequeno número no seu peito. Eu sabia exatamente o que era. As primeiras portas foram simples, mas depois elas ficaram mais ambíguas. 7 foi arranhada na parede pelas minhas próprias mãos. 8 foi marcada com o sangue dos meus pais. Mas 9 - esse número era uma pessoa, uma pessoa viva. E o pior, era uma pessoa que parecia exatamente comigo.

"David?" Eu tive que perguntar.

"Sim... você vai me machucar, você vai me machucar..." Ele continuo a soluçar e a se balançar. Ele respondeu ao David. Ele era eu, até a voz. Mas aquele 9. Eu andei por alguns minutos enquanto ele chorava em sua cadeira. O quarto não tinha nenhuma porta, e assim como o 6, a porta da qual eu vim tinha sumido. Por alguma razão, eu sabia que arranhar não me levaria a nenhum lugar dessa vez. Estudei as paredes e o chão em volta da cadeira, abaixando a minha cabeça e vendo se tinha algo embaixo dela. Infelizmente, tinha. Embaixo da cadeira tinha uma faca. Junto com ela tinha uma nota onde se lia: Para David - Da Gerência.
avatar
Hyuuga
►Admin◄
►Admin◄

Reputação : 12
Pontos : 1882
Mensagens : 25
Data de inscrição : 10/05/2015
Idade : 22
Localização : Jigoku

Ver perfil do usuário https://www.youtube.com/user/hyuugaanimes

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum